Mulher suspeita de matar o próprio pai é presa em Jijoca de Jericoacoara


Foi presa nesta sexta-feira (25) em Jijoca de Jericoacoara, no litoral cearense, uma mulher de 28 anos suspeita de matar o próprio pai, um pastor evangélico. O crime aconteceu em 2018 em Marabá, no Pará. Desde então a mulher estava sendo procurada pela polícia paraense.

A suspeita foi presa em cumprimento a um mandado de prisão após uma troca de informações entre as Polícias Civil do Pará e Ceará. Segundo investigações, a mulher estava morando em Jijoca de Jericoacoara para se esconder da polícia paraense.

A mulher assassinou o próprio pai com ajuda do então companheiro, que já havia sido preso na última quarta-feira (24) em uma ação da polícia em Hidrolândia (GO).

PRISÃO:

Após tomar conhecimento sobre o paradeiro da suspeita, uma equipe da Polícia Civil conseguiu localizá-la em um estabelecimento comercial no Centro de Jijoca de Jericoacoara, onde ela estaria trabalhando.

Em seguida, ela foi transferida para uma unidade prisional da região, onde segue à disposição da Justiça. A Polícia Civil do Pará deve recambiar a mulher ao seu estado de origem.


Fonte: G1 Ceará


Comente

Postagem Anterior Próxima Postagem

Publicidade