Paciente toma cerveja em hospital de Blumenau após ficar 18 dias internado com Covid em UTI


Um paciente diagnosticado com coronavírus tomou cerveja após ficar 18 dias internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em um hospital de Blumenau, no Vale do Itajaí. Eduardo Benke, de 61 anos, se recuperou da doença e foi para casa na terça-feira (30).
O momento especial com a bebida sem álcool e gelada ocorreu com ajuda de uma profissional de saúde do Hospital Santo Antônio, uma semana antes de Benke sair do hospital, quando ele deixou a UTI. Os primeiros goles da bebida foram comemorados em alemão: “Es ist sehr lecker”, que traduzindo para o português é “essa é muito gostosa”.

Segundo a nutricionista Ligia Batiston, que trabalha em conjunto com a equipe multidisciplinar, os pacientes são avaliados diariamente para analisar o plano alimentar e estimular a volta do consumo normal."Em especial aos pacientes que ficaram logo período em UTI, em uso de respirador [intubação], em uso de alimentação via sonda, tem o auxílio da fonoaudióloga na reabilitação para retornar a alimentação pela boca e da nutricionista em verificar as preferências e os alimentos de consumo habitual são imprescindíveis para estimular, dar ânimo e reabilitar ao consumo da alimentação pela boca. Com moderação e equilíbrio é possível incluir alimentos da preferência do paciente e promover recuperação sempre com o auxílio, supervisão e consenso da equipe", disse. "Ele relatou que estava com muita sede e estava com vontade de cerveja bem gelada. A oferta foi de cerveja sem álcool e com moderação. A alegria e o ânimo motivou ele a alimentar-se mais e ter mais ânimo no processo de reabilitação", afirmou Ligia.

De acordo com a equipe do hospital, o paciente conseguiu se recuperar e recebeu alta hospitalar depois de 27 dias internado, sendo 18 deles na UTI.

0 Comentários

Postar um comentário

Poste um comentário (0)

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anúncio

Propagandas