Um candidato a vereador da cidade de Sobral, na região Norte do Estado, se envolveu em uma briga por volta das 12h20 deste domingo (15) dentro da Escola Israel Leocádio de Vasconcelos, no Distrito Aracatiaçu, a 70 km da sede do Município. Segundo o candidato Zé Victor (MDB), envolvido na confusão, a briga teria iniciado após o “advogado da oposição agredir verbalmente meu avô, de 70 anos”. Após troca de insultos dentro do local de votação, os opositores políticos se agrediram fisicamente até que seguranças particulares contiveram os ânimos. Não havia policiamento no momento da briga. O outro envolvido na confusão, o advogado Augusto Monte Coelho, contesta a versão apresentada por Zé Victor. "Mais cedo, por volta das 10h30, flagrei o avô desse candidato comprando voto em praça pública. Quando ele viu que eu estava filmando a ação, ele me agrediu verbalmente. Mais tarde, Zé Victor, seu avô e outras pessoas foram até a escola onde estou trabalhando e me agrediram", relatou.

Augusto foi contratado para trabalhar para o PDT, grupo opositor ao MDB. Zé Victor disse ao Ponto Poder “que já prestou queixa na Delegacia local”. Augusto, por sua vez, informou que vai "adotar todas as providências ao fim do pleito".

Fonte: Diário do Nordeste