O corpo da pequena Ana Laura, morta no último dia 09, após supostamente ter recebido medicação errada no Hospital São Camilo, em Itapipoca, foi enterrado na tarde desta quarta-feira (11), no cemitério São João Batista, em Pacatuba, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). O sepultamento iria acontecer na noite de ontem (10) mas, quando o corpo já chegava ao cemitério, a família recebeu a informação que a coleta de sangue feita horas antes pela Perícia Forense, em Fortaleza, teria que ser repetida.“Eles pediram para não enterrar. Disseram que teria que ser feito outro exame e o enterro foi cancelado. Todos nós já estávamos no cemitério quando o corpo teve que voltar para Fortaleza”, descreveu Edilania Fialho, tia da bebê.  Ainda segundo a Comel, “a realização do exame laboratorial se faz necessária para a elaboração do laudo mais robusto para a detecção da causa da morte da criança”. Segundo a família de Ana Laura, a “Pefoce teria dito que o resultado sairá em até 15 dias”. A reportagem do Sistema Verdes Mares tentou confirmar essa informação, mas não obteve retorno.

Inscreva-se em nosso canal de notícias no YouTube: É só clicar aqui

Curta nossa página no Facebook: É só clicar aqui