Com as prisões, chega a 10 o número de pessoas detidas suspeitas de envolvimento
Data desta publicação: 26/06/2019 as 18:10

Três pessoas foram presas nesta quarta-feira (26) suspeitas de participação de espancar até a morte Maria Elailane do Nascimento, 19 anos, morta em 14 de maio as prisões ocorreram durante uma operação da Polícia Civil de Sobral, cidade onde ocorreu o crime a jovem foi agredida por cinco mulheres, no Bairro Terrenos Novos. O crime foi filmado e compartilhado em redes sociais Cinco mulheres e três homens já haviam sido detidos por suspeita de assassinar a jovem, entre os participantes do crime, quatro são adolescentes os agressores aparecem no vídeo do espancamento que circula em redes sociais com as prisões de Francisco Antonio de Andrade Alves, 29, Ana Letícia Fernandes Lino, 24, e Cláudio Leandro dos Santos, 19, dez dos envolvidos na ação estão detidos e à disposição da justiça Cláudio Leandro foi preso em flagrante na época do crime. Contudo, depois de uma audiência de custódia, o jovem foi liberado. A polícia prosseguiu nas investigações e descobriu a relação dele com a agressão e, assim, pediu a prisão preventiva Elailane foi espancada no meio da rua por pelo menos cinco mulheres, apedrejada e morta com golpes de faca em maio. O corpo dela foi encontrado dentro de um imóvel abandonado no bairro Terrenos Novos, em Sobral, para onde ela foi levada depois do espancamento o titular do Núcleo de Homicídios e Proteção à Pessoa (NHPP) de Sobral, delegado Paulo Castro, afirmou que o espancamento e o assassinato da jovem Maria Elailane do Nascimento foi motivado por disputa entre facções.

Fontes: g1 ceará

Curta a página do blog ita vídeo no Facebook é só clicar aqui